Em nossa postagem anterior falamos sobre automação da instalação do BricsCAD usando uma variedade de opções de linha de comando para auxiliar na implantação de grandes quantidades de estações. No entanto, a instalação do software é apenas parte do esforço de inicialização, pois você certamente desejará ter um perfil padronizado que seja personalizado para seu ambiente exclusivo. A boa notícia é que o BricsCAD facilita o processo se você souber algumas informações importantes.

Nesta edição exploraremos como você pode usar um pouco de arquivos de código do AutoLISP e perfil (ARG) para obter a configuração do BricsCAD perfeitamente ajustada para seus usuários, desde a primeira vez em que iniciam o software.

O Conceito

Como a maioria dos programas de computador, o BricsCAD precisa ser configurado para operar em seu ambiente específico. Esses parâmetros de configuração podem ser categorizados livremente da seguinte maneira:

Arquivos e pastas. Onde são armazenados os arquivos, onde encontrar vários drivers de dispositivos, pastas confiáveis, localizações de fontes etc.

Drivers e dispositivos. Impressoras/plotadoras ou utilitários de PDF para impressão, arquivos de calibração de dispositivos e configuração de página, etc.

Variáveis. Um universo de configurações que define tudo, desde estilos de dimensão a estilos de texto, aos parâmetros de tradução para formato DGN, configurações do cursor, etc.

Assim que você tiver a configuração de uma única máquina ao seu gosto, todos esses parâmetros poderão ser exportados em massa para um arquivo de perfil (ARG), que pode ser importado posteriormente para as máquinas de outros usuários, de modo que a configuração de todas as máquinas possa ficar consistente.

Nota: Se você estiver familiarizado com o gerenciamento de ferramentas baseadas no AutoCAD, verá o BricsCAD muito, muito semelhante.

Crie o Perfil e Exporte-o

Agora, o seu desafio é fazer com que o BricsCAD seja configurado da maneira que você gostaria que seus usuários o executassem. Use o tempo que você precisar para preparar perfeitamente sua máquina de teste, antes de prosseguir para as próximas etapas. Depois de fazer sua lição de casa, veja os passos a seguir:

  1. No BricsCAD digite PROFILEMANAGER na linha de Comando, e clique no botão Criar para criar um novo perfil.
  2. Digite o nome e as notas do perfil e clique no botão OK.
  3. Defina o novo perfil como atual e teste a operação correta do sistema.
  4. Supondo que tudo esteja funcionando corretamente, digite novamente o comando PROFILEMANAGER na linha de comando e clique no botão Exportar...
  5. Salve o perfil em um local da rede que esteja disponível para todas as máquinas que você deseja configurar posteriormente. (Nota: Eu gosto de usar o diretório de arquivos de instalação, onde mantenho os arquivos do instalador e os procedimentos de lote para consistência).

Agora você está pronto para começar a importar perfis para as máquinas dos usuários.

Configurando para Importar

Quando o BricsCAD é iniciado, ele procura automaticamente por um arquivo do AutoLISP chamado ON_START.LSP e executa qualquer código que encontrar nesse arquivo. Esse comportamento automático de carregar/executar pode ser usado em sua vantagem, para carregar automaticamente um perfil e defini-lo como atual, se você souber o código para fazê-lo. Aqui está esse código:

 (vl-load-com)        ; Load LISP ActiveX support and set some useful variables

(setq profile_name   "Custom Profile")                                                                ; set the profile name here
(setq profile_import "O:\\BricsCAD v19 Installation Files\\Custom Profile.arg")  ; point to your ARG file here, note double \\

(setq proprefs                         ; gets all profiles from BricsCAD
  (vla-get-profiles 
    (vla-get-preferences
      (vlax-get-acad-object)
    )
  )
) 

(vla-getallprofilenames proprefs 'namesarray)     ; obtain all valid profiles
(setq names (vlax-safearray->list namesarray))  ; create a NAMES variable to search 

(if (not (member profile_name names))               ; check if your profile is already loaded
  (progn
    (vla-importprofile proprefs profile_name profile_import :vlax-true)         ; if not already there, load profile

    (vla-put-ActiveProfile                                                                               ; make the profile active
      (vla-get-Profiles 
        (vla-get-Preferences 
          (vlax-get-acad-object)
        )
      ) 
      profile_name
    ) ; set it current
  )
)

Há algumas coisas para mencionar sobre o código que eu construí:

  1. Eu suponho que você está confortável em usar um editor de programação. O Bloco de notas vai funcionar muito bem para esta tarefa, se você quiser.
  2. Este não é um casual código do AutoLISP, nem é um projeto para um iniciante. Eu usei vários controles ActiveX para acessar o ambiente de aplicações BricsCAD, e a sintaxe desse programa é extremamente específica.
  3. Seus nomes e caminhos irão variar. Certifique-se de inserir seu nome e caminho precisos do arquivo ARG, e que você obtém o nome exato do perfil.
  4. Sintaticamente tudo importa. Todos os espaços, \\, “ marcas e parênteses realmente importam.
  5. Você não vai pôr a pique seu sistema se por acaso errar. O programa pode parecer um trabalho perigoso, mas não vai causar prejuízo se não for executado corretamente, portanto sinta-se à vontade para continuar tentando, até que tudo funcione.

Testando isso

Agora tudo que você precisa fazer é colocar o arquivo ON_START.LSP no diretório de Suporte do BricsCAD - você pode encontrar isso usando o comando CONFIGURAÇÕES e procurar sob Opções de Programa / Arquivos.

Agora simplesmente saia do BricsCAD e reinicie. O PERFIL PERSONALIZADO será carregado e definirá a si mesmo como o atual. É isso!

E se não der certo, olhe para a tela de comando - você pode encontrar essa clicando a tecla F2 - e ver que tipo de mensagens de erro você recebe, para ajudá-lo a encontrar o erro em seu código.

Próximos Passos

Agora que o BricsCAD está instalado, e você o tem funcionando do jeito que quer, com um perfil padrão personalizado, você já tem um ótimo começo.

Percebo que eu joguei você no fundo de uma piscina com AutoLISP neste post, mas se você dedicar um pouco de tempo para fazer isso funcionar no seu ambiente, será recompensado com uma instalação consistente do BricsCAD que leva muito pouco tempo para ser configurada. Mas espere - aqui está um bônus - você também terá uma base para controlar e personalizar ainda mais o BricsCAD em seu ambiente de rede. Esse é o tópico que abordaremos nas próximas postagens do blog.

Pronto para experimentar o BricsCAD?

Fácil de experimentar, fácil de comprar, fácil de manter. Isso é o BricsCAD. Experimente todos os nossos produtos, gratuitamente por 30 dias em www.bricsys.com/pt-br/. Liberdade de escolha, além de licenças perpétuas (permanentes) de produtos que funcionam em todos os idiomas, em todos os lugares. Você vai apreciar o que criamos para você com a família de produtos BricsCAD9.

Mais Histórias da Confraria dos Gerentes de CAD

  1. Mecânica de Instalação de Rede - Parte 1
  2. Mecânica de Instalação de Rede - Parte 2
  3. Conceitos LISP para Fácil Migração
  4. Treinamento Mínimo para Aprendizagem Máxima - Parte 1
  5. Treinamento Mínimo para Aprendizagem Máxima - Parte 2
  6. Três Etapas para a Adoção do BricsCAD
  7. Preparar para Implementação - Parte 1
  8. Preparar para Implementação - Parte 2
  9. Preparar para Implementação - Parte 3: O Campo de Provas
  10. Preparar para Implementação - Parte 3: Materiais de Treinamento
  11. Preparar para Implementação - Parte 3: Dicas de Treinamento Remotas
  12. Preparar para Implementação - Parte 6: Desenvolvimento e Suporte