Quem é Ralph Grabowski? Bem, o cara que criou os guias para o BricsCAD. Os guias oficiais V19 estão agora disponíveis, BricsCAD for AutoCAD® Users, Inside BricsCAD, e Customizing BricsCAD, tudo escrito por Ralph Grabowski. Faça um tour pelo BricsCAD. Esta semana sentei-me com Ralph para conhecer o homem por detrás dos livros.

Quem é você e por que você começou a escrever os guias?

Descobri meu amor pela escrita quando era adolescente. Meus pais ficaram horrorizados quando eu disse a eles que queria me tornar escritor. Então, devido ao meu interesse em trens e ferrovias, eu fui para engenharia, me graduei em engenharia civil e me especializei em transporte.

A capa do primeiro guia de personalização, ainda na V4.

Isso provou ser uma boa decisão, pois durante os cinco anos do meu curso de graduação na universidade eu me tornei editor técnico da então novíssima revista CADalyst, a primeira publicação para usuários AutoCAD® (1985). Estar lá me ensinou todos os aspectos da gestão de uma editora - desde assinaturas, editoração e publicidade, até composição e distribuição.

Depois de cinco anos parti para lançar meu próprio empreendimento. Mesmo assim, meu pai ficou chocado, porque "...você não pode ganhar a vida escrevendo", o que de fato é verdade. Mas ao ser editor da CADalyst me deu grande destaque na indústria, e assim rapidamente consegui inúmeros contratos de livros e revistas.

(Como um aparte, um sobrinho adolescente meu queria se tornar um escritor, então eu perguntei a ele sobre as coisas que ele estava escrevendo. Ele pareceu intrigado. "Nada", me disse. Eu perguntei se ele tinha uma paixão por escrever. Ele não entendeu o que eu quis dizer. Eu o aconselhei a procurar outra carreira e, no final ouvi que ele está indo para a contabilidade.)

Comecei, numa época favorável, a trabalhar como editor, como o custo e disponibilidade do equipamentos - hardware de preço razoável com monitores de alta resolução, software para editoração eletrônica e comunicações globais baratas por fax e pela CompuServe ( um precursor na Internet) - estavam disponíveis em 1991. Claro, uma impressora a laser HP® custava US$ 2.500 [€ 2.196,69], mas era então relativamente acessível.

Nas décadas seguintes, escrevi e atualizei quase 100 livros sobre o AutoCAD®, Visio®, e outros tópicos técnicos. Publicações impressas começaram no início dos anos 2000 a ser substituídas pela Internet, lancei minha própria linha de eBooks e hoje tenho mais de 100 deles. Mais recentemente, comecei a produzir vídeos tutoriais e hoje tenho cerca de 200 deles.

Os eBooks sobre BricsCAD começaram como um sobre personalização do IntelliCAD, plataforma na qual o BricsCAD era até então baseado. Erik de Keyser [CEO da Bricsys] em 2003 me pediu para adaptá-lo especificamente ao BricsCAD V4 (veja a figura), já que a Bricsys não tinha nenhuma referência de personalização /programação. Eu tenho atualizado para todas as novas versões, desde então.

Você escreveu 3 livros-guia para BricsCAD V19, o que são e sobre o que são?

BricsCAD guia livro livros
Os três novos guias para o BricsCAD V19; BricsCAD for AutoCAD® users, Inside BricsCAD, Customizing BricsCAD

1. Inside BricsCAD (originalmente intitulado “Aprenda BricsCAD em um dia”) é para novos usuários que aprendem CAD e BricsCAD pela primeira vez. Ele os conduz pelas etapas de criação e edição de um desenho 2D e os introduz à modelagem 3D. 400 páginas e disponível desde o BricsCAD V8. (N. do T.: Se você se interessa, temos uma versão deste livro em Português, chama-se Por Dentro do BricsCAD, para a V17, totalmente aproveitável para a versão mais recente. Solicite, se desejar receber em formato PDF, sem qualquer custo.)

2. Customizing BricsCAD trata de tudo sobre como personalizar o programa através das caixas de diálogo Configurações e Personalizar/Customize e outros aspectos do BricsCAD, juntamente com uma introdução à programação LISP e VBA. 600 páginas e disponível desde o BricsCAD V4.

3. BricsCAD para AutoCAD® users detalha as semelhanças e diferenças entre os dois programas CAD, organizado numa forma inteligente, com Tabelas comparativas. O livro mostra o quanto bem o formato .DWG é suportado, e fornece conselhos para escritórios de projeto sobre como trabalhar em um ambiente dual-CAD. Inclui apêndices que detalham as diferenças de comandos, variáveis do sistema, teclas de atalho e botões. Inclui tutoriais sobre como usar as ferramentas de modelagem 3D exclusivas do BricsCAD, como BIM e Sheet Metal. 350 páginas e disponível desde o BricsCAD V9.

Desde alguns anos eu também tenho produzido What's New? BricsCAD, um livreto que detalha as mudanças na última versão. 50 páginas.

Na sua experiência, quão fácil é a transição entre AutoCAD® e BricsCAD?

Fundamentalmente, o BricsCAD é suficientemente similar ao AutoCAD® no nível de desenho 2D, o que não traz qualquer barreira para mover-se de um para o outro. A lista de funções de AutoCAD® ausentes do BricsCAD é muito curta, já que a Autodesk® desacelerou fortemente o desenvolvimento do AutoCAD® nos últimos anos, enquanto a Bricsys mantém seu ritmo crescente com o BricsCAD.

Há uma década atrás você escreveu a referência completa de comandos. Eu ouço você no meio de um processo de mudar tudo de novo. Isso é verdade? O que há de novo e o que mudou desde então no mundo do software e do CAD?

É verdade que estou ajudando a atualizar a referência de comando para o BricsCAD V19.

O que é diferente de uma década atrás é que o número de comandos duplicou, há novas interfaces, como a Faixa de opções e o Quad. Há uma ênfase maior em comandos interativos, especialmente para modelagem em 3D.

Novos algoritmos de programação permitem hoje o que era impossível há uma década, como desenhar e editar em um modo de visualização totalmente renderizado, ou interagir diretamente com modelos 3D de sólidos e superfícies.

Os computadores não se tornaram muito mais poderosos nesse período (meu computador de trabalho principal remonta a 2010), mas o software sim. Novos algoritmos permitem hoje o que era impossível há uma década, como desenhar e editar em um modo de visualização totalmente renderizado, ou interagir diretamente com modelos 3D de sólidos e superfícies.

O que você acha da nova lista de recursos do BricsCAD V19? Alguns favoritos?

Um que eu particularmente gosto é o novo assistente de distância: [22 Distância +Próxima] clique duas entidades, e BricsCAD mostra a distância; edite a distância e a segunda entidade se move.

O que você mais aprecia em CAD e por que você começou a blogar sobre isso?

Meu pai era desenhista e minha admiração por desenhos de precisão começou cedo. Eu fiz desenho (manual) como no meu curso de ensino médio e, em seguida, desenhei à mão quando trabalhei por alguns anos como engenheiro, depois de formado. Durante aquele período tivemos uma demonstração do AutoCAD® (provavelmente v1.4), mas o hardware necessário era considerado muito caro.

Naquela época, adicionar um modesto disco rígido de 20MB (não GB!) ao típico computador pessoal de 5.000 dólares [4384 €] custaria mais 2.000 dólares [1753 €] ao preço, para não mencionar vários outros milhares para aumentar a memória para 640KB (não MB!) e outros US$ 10.000 - US$ 20.000 para um plotter a canetas de grande formato - tudo isso apenas para rodar um software de US$ 1.000,00, como o AutoCAD® era naquela época.

Adoro desenhar e a intimidade entre mim, as minhas ferramentas de desenho e o papel. Quando eu fiz um borrão, era o meu borrão. Eu ainda prefiro esboçar à mão meus desenhos.

Eu não amo CAD... Eu preciso do sua enorme capacidade para fazer cálculos com rapidez e precisão.

Eu não amo CAD. Esse envolve entrada de comandos remotamente. Os comandos diretos interativos dos tempos mais recentes ajudam, no entanto, a trazer de volta parte da intimidade. Eu uso CAD principalmente quando preciso de sua enorme capacidade para fazer cálculos com rapidez e precisão, como para projetos de renovação.

Comecei a “blogar” em 1984, quando comecei a contribuir com artigos para um boletim informativo do grupo de usuários Victor 9000 (que foi meu primeiro computador). Isso permitiu que eu me envolvesse na minha paixão por escrever, ao explicar a tecnologia. Hoje em dia meu blog se chama WorldCAD Access, onde eu escrevo sobre CAD e tecnologia conforme o espírito me move.

Você acha que a maneira como o BricsCAD está sendo coberto pela imprensa mudou desde que você começou?

Na verdade não. Ainda tem pouco conhecimento entre a mídia de CAD, que tende a ficar obcecada com a Autodesk® e outros grandes fornecedores de CAD e hardware - é aí que estão os grandes dólares da publicidade. A vantagem de sua miopia é que ela me permitiu criar um nicho na cobertura de fornecedores de CAD menores e mais novos, no meu boletim informativo upFront.eZine, no blog, em vídeos e em minha linha de livros (eBooks).


Resumo:

Ralph cresceu com uma paixão por escrever, mas treinou como engenheiro. Ele escreveu 3 guias para o BricsCAD V19; Inside BricsCAD, para novos usuários que estão aprendendo CAD e entrando no BricsCAD pela primeira vez. Este livro tem uma versão em Português que você pode solicitar aqui no Brasil, Customizing BricsCAD, de leitura fácil, ajuda a programar caixas de diálogo de Configurações e de Personalização, e uma introdução à programação LISP e VBA.  BricsCAD for AutoCAD® Users, as semelhanças e diferenças entre os dois programas CAD. Ralph começou a blogar sobre CAD em 1984 e escreveu mais de 100 eBooks e mais de 200 tutoriais em vídeo. Você pode ler mais de seu blog em WorldCAD Access.